O Museu de Território Caminhos Drummondianos resgata a história de Itabira permitindo uma viagem pela obra do Poeta Maior. As placas com poemas referenciam os fatos, locais e personagens que fizeram parte da vida de Carlos Drummond de Andrade em Itabira ou nas lembranças de sua terra natal.

Possibilitam, assim, um contato do público com a poesia Drummondiana, ao mesmo tempo em que mostra a preservação do patrimônio histórico e arquitetônico local. É formado por 44 pontos com poemas de Carlos Drummond de Andrade e, para melhor vivência do museu de território, recomenda-se que a visita seja feita com o acompanhamento dos guias credenciados para tal trabalho.

O trabalho de guiamento

Além de percorrer todo o Museu de Território Caminhos Drummondianos, trabalhando-se a interpretação dos poemas de Carlos Drummond de Andrade, os condutores trabalham diversos conteúdos como a atividade mineradora, vida de Drummond e dos principais personagens Itabiranos contemporâneos a ele.

São visitados praticamente todos os atrativos do município, onde os visitantes podem aprofundar seus conhecimentos sobre Itabira e Drummond. Também podem fazer parte da visita guiada aos Caminhos Drummondianos as intervenções dos Drummonzinhos. Esses adolescentes e crianças recitam de forma teatral os poemas do Poeta Maior.

Contatos: Fundação Cultural Carlos Drummond de Andrade, telefone: 31-3835-2102 / 3835-2156

TOPUS – Associação dos Condutores Turísticos do Museu de Território Caminhos Drummondianos, telefone: 31-8800-2381 / 3834-2381.

Fonte: Inventário da Oferta Turística de Itabira, ano 2011, Departamento de Turismo.